Preço da gasolina nos postos sobe pela segunda semana, diz ANP

Por Karina Trevizan, G1

 


 
Bomba de combustível abastece carro em posto de São Paulo. gasolina, preço da gasolina, frentista, álcool, diesel, combustíveis, reajuste, aumento. -HN- — Foto: Marcelo Brandt/G1Bomba de combustível abastece carro em posto de São Paulo. gasolina, preço da gasolina, frentista, álcool, diesel, combustíveis, reajuste, aumento. -HN- — Foto: Marcelo Brandt/G1

Bomba de combustível abastece carro em posto de São Paulo. gasolina, preço da gasolina, frentista, álcool, diesel, combustíveis, reajuste, aumento. -HN- — Foto: Marcelo Brandt/G1

 

O preço médio da gasolina nos postos subiu pela segunda semana seguida, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (27) pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). O avanço foi de cerca de R$ 0,05, ou 1,18%, para a média de R$ 4,368. Na semana anterior, o preço havia subido menos de R$ 0,01, ou 0,16%.

O aumento do preço do diesel foi maior, segundo a ANP. Nesta semana, o valor médio subiu cerca de R$ 0,09, ou 2,46%, para R$ 3,670 por litro. Foi a quarta alta semanal consecutiva registrada pela agência.

Os valores representam uma média caculada pela ANP a partir de dados coletados em postos de diversas cidades. Os preços, portanto, podem variar de acordo com a região.

A elevação de preços para o consumidor final acontece após a Petrobras reajustar os preços dos combustíveis nas refinarias, seguindo sua política de preços que acompanha as cotações internacionais. O repasse ou não para o consumidor final depende dos postos.

Nesta sexta, a Petrobras elevou os preços da gasolina em suas refinarias em cerca de 2,5%, mantendo os do diesel. O reajuste ocorreu cerca de uma semana após a companhia ter aumentado em 3,5% o preço da gasolina, elevando também o valor do diesel em 4,2%.

No ano, o preço da gasolina nas bombas acumula alta de 0,55%, considerando os dados da ANP. Já o avanço do diesel é de 6,34%.

 

 

Etanol e gás de cozinha

 

A ANP também faz o monitoramento semanal dos preços médios do etanol e do botijão de gás de cozinha. E, segundo os dados divulgados nesta sexta, houve elevação nos preços desses dois itens.

O preço médio do etanol subiu cerca de R$ 0,02, ou 0,95%, para uma média de R$ 2,870 por litro. Da mesma maneira que ocorre com a gasolina e o diesel, o número representa uma média caculada pela ANP, e por isso o preço pode variar de acordo com a região.

Já o valor do gás de cozinha subiu cerca de R$ 0,17, ou 0,25%, para uma média de R$ 69,01.